sexta-feira, 28 de junho de 2013

terça-feira, 11 de junho de 2013

DESAFIO CRISTÃO

Pessoal, o Valter Cardoso fez um comentário neste post aqui no blog. Alguém aceita o desafio? 


Eu DESAFIO esses 'anônimos', que não tem nem coragem de mostrarem seus rostos e seus nomes, a comprarem uma Bíblia cada um e limparem suas bundas com as páginas delas... Tirem fotos do ato e me mandem no e-mail: valtercardoso1@yahoo.com.br
 Ah, aproveitem e façam com outros Livros Sagrados também, como o Alcorão, por exemplo... Daí veremos o que se transformará suas vidas nesta Terra! SE NADA ACONTECER A VOCÊS NUM ESPAÇO DE 30 DIAS EU RASGO AS BÍBLIAS QUE TENHO E DESISTO DE SER CRISTÃO!
Aceitam o desafio?


Eu não vou poder aceitar porque não vou gastar dinheiro comprando bíblia pra limpar a bunda porque papel higiênico limpa melhor e é bem mais barato. 

O Homer Simpson tacou fogo em uma bíblia e o seriado continua aí. Quem aceitar o desafio, me avisa!


20 teses "científicas" bíblicas incontestáveis


Como Jesus vai voltar afinal de contas?

Lucas diz que o reino de deus não tem aparência exterior, sendo aqui mesmo na Terra, entre nós. Já João diz que Jesus voltará pra nos levar pro lugar dele que ele preparou. Aí Tessalonicenses diz que Jesus virá do céu tocando uma trombeta e ressuscitando os mortos primeiro, antes dos vivos. Porém, Mateus diz que Jesus está conosco desde sempre. Ou seja: ele não foi pro céu. 

Para os que riem, blasfemam, o mesmo Senhor Jesus Cristo (aquele que ressuscitou triunfalmente) irá dar "ORDEM" para que os corpos dos verdadeiros crentes (mortos em Jesus Cristo) saiam das tumbas, dos cemitérios e de fato ressuscitem como fez o próprio Cristo (denominado "o primogênito dentre os mortos").

E logo após "nós (os que estivermos vivos para a volta de Cristo) seremos arrebatados para encontrarmos o nosso Senhor Jesus nas nuvens.

Mas Mateus diz que Jesus não voltará, simplesmente porque nunca nos deixou.

CONFUUUUUUUUUUUUUUUUUUUSO!!!



Versículos de hoje:

E, interrogado pelos fariseus sobre quando havia de vir o reino de Deus, respondeu-lhes, e disse: O reino de Deus não vem com aparência exterior. Nem dirão: Ei-lo aqui, ou: Ei-lo ali; porque eis que o reino de Deus está entre vós. (Lucas 17:20-21)
E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também. (João 14:3)
"Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro". (1 Tessalonicenses 4.16).
"E eis que eu estarei convosco todos os dias, até a consumação dos séculos" (Mateus 28:20)

segunda-feira, 10 de junho de 2013

Como enlouquecer um evangélico em apenas 3 passos


Por que o batismo na água é literal, mas o batismo no fogo é figurado?

Repare que deus sempre se revelou através do fogo. Ele selou sua aliança com Abraão no meio do fogo. Ele revelou-se a Moisés através do fogo. Ele conduziu o povo pelo deserto por uma coluna de fogo. O fogo do altar não podia apagar-se. Quando Moisés consagrou o templo, deus respondeu com fogo. Elias foi levado para o céu numa carruagem de fogo. Deus é como uma coluna de fogo ao redor do seu povo. Deus é fogo. O trono é fogo. Sua Palavra é fogo. Ele faz dos seus ministros labaredas de fogo. Jesus batiza com fogo. O Espírito Santo desceu sobre a igreja em labaredas como de fogo.

Então por que raios só batizam com água e não com fogo?

Só vejo crente batizado na água, mas nunca vi crente batizado com fogo.


Versículos de hoje:

"E respondeu João a todos, dizendo: Eu, na verdade, vos batizo em água, mas vem aquele que é mais poderoso do que eu, de quem não sou digno de desatar a correia das alparcas; ele vos batizará no Espírito Santo e em fogo". (Mateus 3:16)
"Aquele que é batizado com fogo anda na luz" (Jo 8:12)
"Aquele que é batizado com fogo tem comunhão com Deus" (1 Jo 1:6)

sexta-feira, 7 de junho de 2013

Bíblias, escolha a sua...

A bíblia é considerada sagrada por ser a palavra de deus, mas se o sujeito é católico e migrar para o evangelismo terá de jogar sua bíblia sagrada fora e comprar a da nova crença e vice versa. O mesmo se sucede entre os evangélicos, um presbiteriano, por exemplo, se migrar para uma pentecostal tem de se livrar da palavras sagradas e adquirir uma nova bíblia que a nova entidade adota. Se alguém migra para as Testemunhas de Jeová tem de jogar a sua bíblia e adquirir uma das Testemunhas e vice versa. Que sagrado mais estranho...a palavra de deus é tão descartável!

Vale lembrar que os escribas católicos alteravam a bíblia à vontade e colocavam interpolações ao seu bel prazer, tantas que eles mesmos resolvem colocar uma observação na bíblia para coagir tentativas de interpolações. Era muito fácil modificar a bíblia, o catolicismo não permitia bíblia para os fiéis, os sacerdotes recebiam uma nova bíblia, alterada, e eram obrigados a devolver a antiga para ser destruída, um processo rigorosíssimo que dava uma sensação de a bíblia não ser alterada, por isso a bíblia não possui a obra original. O processo de manipulação dos textos bíblicos se encerra em 1500 quando surge o protestantismo que tem como livro sagrado, veja a ironia, a última edição oficial católica.

Resumindo: o que conhecemos por bíblia surgiu no século IV de nossa era, tempo de Constantino, e a bíblia de 1500 anos é bem próxima da primeira reunião de livros considerados sagrados pelo cristianismo realizada por Eusébio a pedido de Constantino. Eusébio (bispo preferido do imperador) seleciona as obras que ele mais apreciava, inclusive livros não sagrados como Eclesiastes por exemplo. A bíblia sagrada, a palavra de um deus, é uma reunião de livros realizada por um bispo. E pelo que não consta na própria bíblia, Eusébio não está na lista de "inspirados" por deus e muito menos seria aprovado pelos evangélicos, por ter sido católico.

quinta-feira, 6 de junho de 2013

Crentes confundem alma com ego. Ego não é alma!

A alma, tão elevada pelo cristianismo moderno, é apenas uma ideia. Nos primórdios da humanidade havia somente deuses imortais e humanos mortais, nada de alma. No tempo de Aristóteles já existia a ideia de alma, mas, pasmem, era considerada algo físico, pneumam, tanto que a ortodoxia da Igreja até hoje defende a ideia da ressureição da alma e também do corpo. A ideia de alma evolui ainda mais e chega em nosso tempo na forma de espírito.

A mim me parece estranho esses conceitos, como se alma e corpo fossem entes autônomos, distintos cada um no seu nicho cósmico. Se somos um, somos carne e espírito, unidos, integrados, integrantes, fazendo parte do mesmo eu. Não tem como separar minha carne do meu espírito, a não ser que eu morra (considerando-se que o espírito realmente exista).

E mesmo que sejam coisas separadas, como saber se o meu desejo por algo é puramente carnal ou se minha alma também deseja aquilo? A alma só quer coisas boas e a carne só quer coisas ruins? Você, crente, tem consciência de sua alma? Já duelou com ela querendo algo que ela não queria? A isso chamamos de transtorno bipolar. Ou seu ego falando mais alto que você. Crentes confundem alma com ego. Ego não é alma!

Outra coisa que não entendo: se ao ressuscitar e ir para o plano espiritual, vai somente o espírito (ou alma, que seja), e não o corpo físico, por que no credo apostólico diz "creio na ressurreição da carne"? Se a carne também ressurge, isso confirma o espiritistmo, não o evangelismo ou catolicismo.

quarta-feira, 5 de junho de 2013

A lei não terminou em Jesus e Paulo de Tarso não foi profeta?

Segundo Lucas 16:16, a lei de Moisés não se findou com a morte de Jesus, mas sim com João, o mais novo apóstolo de Jesus e autor do Evangelho de João e do Apocalipse. Como Paulo de Tarso é mais novo que João, logo conclui-se que Paulo de Tarso não foi profeta!

"A lei e os profetas duraram até João; desde então é anunciado o reino de Deus, e todo o homem emprega força para entrar nele." (Lucas 16:16)

Então se Paulo não foi profeta, então Coríntios e outros livros escritos por Paulo seriam pura fantasia!

terça-feira, 4 de junho de 2013

I Tessalonicenses 4:13-18 prova que tanto faz ser crente ou não

Não quero, porém, irmãos, que sejais ignorantes acerca dos que já dormem, para que não vos entristeçais, como os demais, que não têm esperança.
Porque, se cremos que Jesus morreu e ressuscitou, assim também aos que em Jesus dormem, Deus os tornará a trazer com ele.
Dizemo-vos, pois, isto, pela palavra do Senhor: que nós, os que ficarmos vivos para a vinda do Senhor, não precederemos os que dormem.
Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro.
Depois nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor.
Portanto, consolai-vos uns aos outros com estas palavras.
(I Tessalonicenses 4:13-18)

Os ateus, ímpios, infiéis, hereges, pagãos, etc, serão os primeiros a ressuscitar. Logo, não há porque se falar em morte espiritual para quem não crê em Jesus.
Segundo os versículos acima, tanto faz a sua crença ou descrença, pois seremos arrebatados juntos para encontrar deus no céu e ficar pra sempre com ele.
Amém???

UPDATE: Aí vem Marcos 16:16 pra provar o quanto a bíblia é incoerente...

"Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado". 
(Marcos 16:16)

segunda-feira, 3 de junho de 2013

Cristãos não devem lançar pérolas aos porcos ou devem sempre responder com mansidão?


Sempre, em determinado momento de uma discussão teológica, em que um crente te mandar um Mateus 7:6, devolva pra ele 2 Timóteo 2:25, Tito 3:2, Gálatas 6:1, Tiago 3:13 e 1 Pedro 3:15 e veja a "poker face" dele...


Versículos de hoje:

Não deis aos cães as coisas santas, nem deiteis aos porcos as vossas pérolas, não aconteça que as pisem com os pés e, voltando-se, vos despedacem. (Mateus 7:6) 
Instruindo com mansidão os que resistem, a ver se porventura Deus lhes dará arrependimento para conhecerem a verdade, (2 Timóteo 2:25)
Que a ninguém infamem, nem sejam contenciosos, mas modestos, mostrando toda a mansidão para com todos os homens. (Tito 3:2)
Irmãos, se algum homem chegar a ser surpreendido nalguma ofensa, vós, que sois espirituais, encaminhai o tal com espírito de mansidão; olhando por ti mesmo, para que não sejas também tentado. (Gálatas 6:1)
Quem dentre vós é sábio e entendido? Mostre pelo seu bom trato as suas obras em mansidão de sabedoria. (Tiago 3:13)
Antes, santificai ao Senhor Deus em vossos corações; e estai sempre preparados para responder com mansidão e temor a qualquer que vos pedir a razão da esperança que há em vós, (1 Pedro 3:15)