quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Afinal de contas, Jesus é deus ou não é?

 (clique na imagem para ampliar)


Versículos de hoje:
  • Eu e o Pai somos um. (João 10:30)
  • Quem me vê, vê o Pai. (João 14:9)
  •  
  • Meu Pai é maior do que eu. (João 14:28)
  • Por que me chamas bom? Não há quem seja bom, exceto deus. (Marcos 10:18)
Repare que Jesus admite que não é bom!
  • "Por que me chamas bom? Não há quem seja bom, exceto deus." (Marcos 10:18)

16 comentários:

  1. "Apaputa ...Tu é deus ou não é, carai?" essa foi muito engraçada. Esse Jesus da imagem é aquele do filme que passa naquela emissora do bispo.

    ResponderExcluir
  2. Sim Jesus é Deus! Fim ..........

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fran, segundo João 14:28 e Marcos 10:18, Jesus diferencia bem ele de deus. Como você explica esses versículos? Jesus admitindo não ser deus...

      Excluir
    2. Ateus ignorantes... se a dona da verdade falou, como ousam questionar ? Fim.
      Quando eu digo que religiosidade = ego inflado, o povo fala que eu sou metia a sabe-tudo.

      Excluir
    3. Parabéns! Quase descobriram o que poucos cristãos entendem. Só faltou um pouco de raciocínio.

      1. Jesus realmente não é Deus, ele foi criado por Deus.
      Salmos 2:7 (profecia sobre o Messias), Hebreus 5;5 e Hebreus 1:5,6 mostram isso. É por isso que em Colossenses 1:15 ele é chamado de primogênito (aquele que é gerado antes dos outros) da criação. É também por isso que ele é chamado O Filho de Deus... óbvio, não?

      2. Só pra constar, em Marcos 10:18 ele não diz que não é Deus. Olhem com atenção, o que poderia estar insinuando é: "Não há quem seja bom, exceto Deus. Se me chamas bom, estás reconhecendo que sou Deus". Ele gostava de fazer esses jogos com palavras, portanto é uma interpretação possível, mas não resiste aos versículos que mostrei.

      3. "Eu e o Pai somos um". Em João 17:21,22, Jesus ora a Deus sobre os discípulos: "para que sejam um, como nós o somos”. Lógico que os discípulos são seres distintos, mas 'ser um' se refere a ter uma comunhão tão forte que é como se fosse uma unidade. A mesma coisa em "Deixará o homem seus pais e se unirá à sua mulher, e serão os dois uma só carne". Adão não está dizendo que os dois vão se fundir num único ser, mas que o casal será tão unido a ponto de ser comparado a um só ser. E no versículo acima, Jesus ainda chega a dizer "sejam um, como nós o somos", mostrando q se refere ao mesmo tipo de união.

      Excluir
    4. Ah, faltou João 14:9. Não precisa, mas pra evitar deixar pontos em aberto...
      "Quem me vê, vê o Pai" significa novamente o que falei acima, da união, de agir num mesmo espírito; vivem numa harmonia tão grande, que a atitude deles é a mesma. Ao dizer isso, mostrava que representava fielmente o Pai, falando as palavras do Pai e fazendo as obras do Pai. (Jo 14:10,11 e Jo 12:28, 44-49.)
      Logo, quem viu um, é o mesmo de ter visto o outro, pois agem igual.

      Excluir
  3. Jesus é Deus, se fez filho e veio ao mundo para nos ensinar como ser um filho obediente, sendo assim ele não poderia falar como Deus, e sim como um filho! Estava no mundo, e o mundo foi feito por ele, e o mundo não o conheceu. (João 1:10)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas Fran, se Jesus é deus, não havia porque Jesus dizer que deus era outra pessoa (maior ou melhor que ele). Ou deus se fantasiou de Jesus? Se deus é onipresente, ele não precisava "vir ao mundo", pois já estaria em todo lugar. Repare que no velho testamento deus falava diretamente com as pessoas. Portanto, não precisaria de se travestir de outrem para isso. Além do mais, se Jesus veio ao mundo para nos ensinar a ser um filho obediente, como poderia ele dar um conselho desses? "Jesus disse: eu vim pôr em dissensão o homem contra seu pai, a filha contra sua mãe e a nora contra sua sogra" (Mateus 10:35) E o que me diz de Lucas 14:26? Um belo "conselho" para ser um filho obediente, não?

      Excluir
    2. Isso faz sentido na sua cabeça, né ?
      Pra mim não faz o menor sentido. Eu estudei bíblia, estudei evangelhos e evangelista e vivia sem entender nada. Ai eu estudei um pouco de história e entendi que a bíblia é um apanhado de textos difusos escrito ao longo de centenas de anos, por autores anônimos, com instrução suficente apenas para escrever o que foi ditado ou para colocar sua visão estreita e preconceituosa em pergaminhos. Isso sem contar que depois esses textos foram traduzidos, revisados, reescritos, moldados, sorteados, embaralhados e distribuídos por alguns líderes da igreja católica e adaptados para o tipo de controle que eles queriam ter sobre seus seguidores...esses textos foram novamente moldados, embaralhados, cortados, sorteados e utilizados pelos dissidentes para formar sua própria versão do cristianismo. Foi então que eu comecei a entender a verdadeira função da bíblia e da fé. Mas achar sentido nessa coisa de deus pai, deus filho... não rola. Isso está além da minha concepção de realidade... isso é pura fantasia.

      Excluir
    3. Jesus não é Deus, Fran, ele foi criado por Deus e por isso é O Filho de Deus, ainda Salvador da Humanidade. Leia as esplicações que coloquei em 3 tópicos na resposta do seu 1º comentário, acima deste...

      Excluir
  4. Segundo alguns, Jesus ao ser crucificado teria dito:"Pai, por que me abandonaste?". Se Jesus e Deus são os mesmos, por que Jesus diria uma coisa dessas.

    ResponderExcluir
  5. Filipenses 2: 5-7“... Tende em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, pois ele, subsistindo em forma de Deus, não julgou como usurpação o ser igual a Deus, antes, a si mesmo se esvaziou, assumindo a forma de servo, tornando-se, em semelhança de homens; e, reconhecido em figura humana”.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu, anônimo. Então João 10:30 está errado, né?

      Excluir
  6. Oia eu aquiii...

    Tão...

    É o seguinte.
    Imagine uma corda.
    Ela é um emaranhado de fios, mas é UMA corda.
    Deus.
    Deus é uma corda.
    É um emaranhado de três fios.
    Mas é UMA corda, é UM Deus.
    Formado por três:
    Deus Pai
    Deus Filho e
    Deus Espírito Santo.

    "Eu e o Pai somos um. (João 10:30)"
    Em propósito, em força, em vontade, em ideia...

    ResponderExcluir
  7. Questão (1ⁿ) que exijo a resposta
    1ⁿ→ Segundo II Coríntios 13:4 «Jesus foi crucificado por fraqueza».
    Como um “deus fraco” era incapaz de suportar fardo de todos os pecadores do mundo, foi amarrado com mais dois deuses para lhe reforçarem; e três deuses são mais fortes do que um, princípio este que foi enunciado na BÍBLIA através das seguintes palavras [ Eclesiastes 4:12] «...e o cordão de três dobras não se quebra tão depressa.»
    Se esse não for o caso, será que haverá alguma outra explicação que sustente a existência desta unidade na Trindade?

    ResponderExcluir
  8. fraco pois veio em carne, meu dna humano é fraco..é isso que quer dizer veio em fraqueza, sangra etc.

    ResponderExcluir

Regras de uso:
1) Desde que não tenha palavrões, ofensas ou propagandas, nenhum comentário será apagado;
2) Diga primeiramente qual fé religiosa você professa (ateu, agnóstico, católico, evangélico, budista, judeu, muçulmano, etc) para facilitar a interpretação do seu texto;
3) Tente manter a discussão no nível das ideias. O objetivo é compreender (não necessariamente aceitar);
4) Obrigado por participar!